SAAE BM faz novos investimentos

SAAE BM faz novos investimentos


Publicado em: 05/07/2017 15:47 | Autor: Saae Barra Mansa

 

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Barra Mansa está com novos investimentos para melhorar o atendimento à população. Dentre eles, está o projeto de monitoramento remoto dos níveis dos reservatórios e sistemas de bombas. Esse método recebe o nome de telemetria e permite melhor gerenciamento do funcionamento de estações elevatórias, reservatórios, medidores de vazão e demais dispositivos elétricos e hidráulicos.

 

Segundo o gerente de planejamento e engenheiro de automação, Lucas S. P. Januário, o equipamento supervisiona à distância e em tempo real os sistemas de distribuição de água. “O interessante é que ele, também, acusa as falhas de operação e de queda de nível do reservatório, por exemplo. Dessa forma, os técnicos podem adotar medidas para evitar, antecipadamente, o desabastecimento em determinada região", explica.

 

O projeto será implantado por meio de sensores, antenas de transmissão e sistemas eletrônico. Esta iniciativa visa contribuir com controle de nível, evitando transbordamento e prevenindo o desabastecimento de água.

 

“Por exemplo, se ligam dizendo que está com problema de falta d’água em algum bairro e o sistema diz que o reservatório está cheio, podemos analisar mais a fundo o real ocasionador da complicação”, exemplifica.

 

Por não haver ainda o procedimento de telemetria, é necessário uma vistoria nos locais ou o chamado da população sobre a falta de água de complicações no abastecimento, para os problemas serem detectados, o que demanda mais tempo.

 

“Atualmente não há sistema semelhante, o encarregado não consegue ter as informações precisas, o que ocasiona algumas vezes uma delonga do conserto. Logo, o uso desse método vai dar agilidade no processo interno e acelerar a resposta no processo externo, pois o usuário que está com falta de água poderá ter seu transtorno solucionado mais depressa”, complementa Lucas.

 

A previsão de funcionamento do sistema é fevereiro de 2018. Ao todo serão contemplados com este sistema oito reservatórios no município, a prioridade serão os de grande porte que possuem capacidade de 500 mil litros.